Auto biografia artística virtual. Registros de eventos, resenhas, desenhos, crônicas, contos, poesia marginal e histórias vividas. Tudo autoral. Quando não, os créditos serão dados.

Qualquer semelhança com a realidade é verdade mesmo.

terça-feira, 31 de maio de 2011

Mais Ainda Aforismos De Orestes

“A música tocada ao vivo é como uma fruta madura.  LP em vinil é o suco natural da fruta.  CD é o suco artificial da fruta.  MP3 é a fruta em comprimidos”.

“Religião é muito importante para a comprovação do placebo”.

“Depilo virilha feminina”.

“Cargo político deveria ser trabalho voluntário”.

“Policial, delegado, advogado, político ou juiz que forem contra a regulamentação do uso da maconha, se não forem corruptos e ganharem muito dinheiro em cima da proibição, são muito burros para não perceberem a realidade a respeito do tema”.

“Se existe amor sem sexo, então está perdoado o sexo sem amor”.

“Para administradoras de cartões de créditos e banqueiros, não existe ‘filantropia’.  Só existe ‘fila doentia’”.

“A política brasileira é uma tragédia, com efeitos de comédia e disfarçada de romântica”.

“Se a lua é fonte de inspiração para o romantismo, o sol é fonte de inspiração para a esquizofrenia”.

“Deus é brasileiro sim.  Por isso que o mundo é dominado pelo demônio que é multinacional”.

“Prostituição, drogas e corrupção são entidades onipresentes.  Estão nas faculdades, nas famílias, nas igrejas, nas instituições etc.”.

“Se o incesto for realizado com interesse mútuo, deve ser liberado e até incentivado”.

“A desgraça indígena começou na chegada da colonização”.

“Para o cargo de Ministro da Economia, deveria ser contratado algum professor da rede pública municipal que seja pai de família”.

“Quando os computadores começarem a sua auto produção sem interferência humana, será o início de nossa extinção”.

“O Santo Sudário é real sim.  Ele é um magnífico trabalho artístico de um grande artista que preferiu ficar anônimo”.

“Os extraterrestres já estão entre nós.  Hebe Camargo e Sílvio Santos são alguns deles”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário